21/06/2021 às 16h29min - Atualizada em 22/06/2021 às 00h00min

A importância da Avaliação Psicossocial na manutenção de um ambiente laboral saudável

Como o mapeamento do perfil psicossocial pode impactar nas ações preventivas das empresas e na saúde do trabalhador

SALA DA NOTÍCIA Sandra Cunha
Ricardo Pacheco, médico e gestor em saúde
A importância da Avaliação Psicossocial na manutenção de um ambiente laboral saudável
Como o mapeamento do perfil psicossocial pode impactar nas ações preventivas das empresas e na saúde do trabalhador
As incertezas a respeito do fim da pandemia, a pressão de se equilibrar numa economia em recuperação, os desafios do trabalho remoto forçado, além das oportunidades reduzidas de descanso e férias, foram fatores que resultaram em níveis significativos de estresse nos profissionais brasileiros, fazendo com que aspectos como saúde mental e bem-estar estejam no topo das prioridades das empresas em 2021, de acordo com 28% dos recrutadores entrevistados pela Robert Half, na 15ª edição do ICRH (índice de Confiança Robert Half), estudo que revela as perspectivas de contratação e expectativas atuais do mercado de trabalho e para os próximos 6 meses). A saúde mental é a maior preocupação de 2021 quando o assunto é gestão de pessoas.
Ainda de acordo com o ICRH, 52% dos profissionais consideram que a sensação de equilíbrio entre qualidade de vida e trabalho piorou ou se manteve igual desde o início da pandemia. Os principais motivos apontados pelos colaboradores são a piora da saúde mental (32%), a falta de contato próximo com a equipe e gestores (16%) e espaço físico inadequado para o trabalho (10%).
No mundo, um trabalhador morre por acidente de trabalho ou doença laboral a cada 15 segundos. De 2012 a 2020, 21.467 desses profissionais eram brasileiros — o que representa uma taxa de 6 óbitos a cada 100 mil empregos formais nesse período, aponta o Observatório de Segurança e Saúde no Trabalho, elaborado pelo Ministério Público do Trabalho (MPT) e a Organização Internacional do Trabalho (OIT). Estima-se que doenças e acidentes do trabalho produzam a perda de 4% do PIB global a cada ano. No caso do Brasil, esse percentual corresponde a aproximadamente R$ 300 bilhões, considerando o PIB de 2020.
Nesse cenário, a Avaliação Psicossocial - instrumento de fundamental importância para as estratégias de prevenção dos acidentes no trabalho e para promover a saúde preventiva dos trabalhadores -, é ainda mais importante. É por meio dela que são contemplados os aspectos comportamentais, psicopatológicos, cognitivos e de personalidade, usando de ferramentas que avaliam o colaborador para mapear seu perfil psicossocial. É uma ferramenta determinante para indicar se um indivíduo pode desenvolver atividades em espaços confinados ou em altura, por exemplo.
         Para Ricardo Pacheco, médico, gestor em saúde, presidente da ABRESST (Associação Brasileira de Empresas de Saúde e Segurança no Trabalho) e diretor da OnCare Saúde, a Avaliação Psicossocial, assim como outros exames e atendimentos multidisciplinares, são imperativos para identificar fatores pessoais que possam contribuir para a ocorrência de atos inseguros e acidentes no ambiente de trabalho, principalmente em funções de maior risco, como trabalho em altura ou confinamento, e deve fazer parte da estratégia preventiva nas empresas. “Estamos falando de cuidar de pessoas, dentro e fora do ambiente de trabalho; ação que passa pela Avaliação Psicossocial de indivíduos que passam por momentos bons e ruins na vida, principalmente em tempos de pandemia. Uma atividade de alto risco não pode ser desempenhada por um trabalhador que está com o psicológico instável, e só uma análise profissional pode determinar isso”, destaca.
         Ele lembra ainda que as atividades grau de risco 1 e 2 (baixo e muito baixo) também sofrem impacto com a pandemia de Covid-19 e precisam de atenção quanto à análise psicossocial. “Principalmente relacionado ao absenteísmo, com trabalhadores tomados pelo medo de contaminação e com a insegurança de que o local de trabalho realmente segue os protocolos sanitários”, destaca Ricardo Pacheco.
         O médico ainda afirma que os dados de suicídios podem aumentar por conta da pandemia. “Os últimos dados oficiais no Brasil, divulgados em 2020, são de 2018. Ainda vai demorar um tempo para sabermos os números do ano passado, quando começou a pandemia, mas, muito possivelmente as taxas de suicídio vão aumentar”, lamenta o presidente da ABRESST.
Normas Regulamentadoras que indicam a avaliação psicossocial
Está em andamento a criação de uma nova norma específica para Avaliação Psicossocial. Contudo, contamos com NRs que abordam o assunto e que exigem que as empresas que possuam ambientes adversos de trabalho submetam seus funcionários à essa análise para a emissão do Atestado de Saúde Ocupacional (ASO).
Para o presidente da ABRESST e diretor da OnCare Saúde essa análise determina o perfil do profissional. Isso porque os riscos inerentes ao trabalho em alguns ambientes podem colocar os funcionários em condições extremas, comprometendo as respostas cognitivas, comportamentais e emocionais. Assim, a Avaliação Psicossocial tem como objetivo analisar aspectos que compõem o perfil do indivíduo e buscar informações desse trabalhador em diversos contextos, identificando os riscos que podem surgir”, enfatiza o médico Ricardo Pacheco.
Conheça algumas das NRs que exigem a Avaliação Psicossocial:
·NR-35 – Trabalho em altura
Os funcionários que atuam em atividades em altura superior a dois metros devem passar pela avaliação, segundo a norma. Isso vale para trabalhos em plataformas, escadas ou andaimes e objetiva prevenir riscos de queda.
·NR-33 – Trabalho em áreas confinadas
O espaço confinado é qualquer área com meios limitados de entrada e saída, com ventilação insuficiente para remover contaminantes ou onde haja deficiência ou enriquecimento de oxigênio. Por não ser projetada para ocupação humana contínua é sempre importante a realização da avaliação psicossocial e exame médico voltado às patologias que poderão originar mal súbito e queda.
·NR-20 – Trabalho com inflamáveis e combustíveis
A NR-20 estabelece os fatores de risco de acidentes em atividades de extração, produção, armazenamento, transferência, manuseio e manipulação de inflamáveis e líquidos combustíveis. Trabalhar em áreas com inflamáveis e combustíveis, com risco de vazamentos e explosões é um fator significativo de estresse que precisa de Avaliação Psicossocial detalhada.
 
·NR-18 (segundo a nova redação publicada em 2020) - Condições de Segurança e Saúde no Trabalho na Indústria da Construção
Consta na nova redação da norma, no título 18.4 Programa de Gerenciamento de Riscos (PGR) que: “18.4.1 São obrigatórias a elaboração e a implementação do PGR nos canteiros de obras, contemplando os riscos ocupacionais e suas respectivas medidas de prevenção”, portanto, a Avaliação Psicossocial certamente deverá ser um instrumento importante, como medida preventiva.
Como se dá a Avaliação Psicossocial
Ricardo Pacheco completa afirmando que a Avaliação Psicossocial deve ser realizada por um profissional habilitado como psicólogo ou psiquiatra. “Já a indicação do exame deve partir do médico coordenador do Programa de Controle Médico de Saúde Ocupacional (PCMSO) da empresa. A periodicidade deve ser indicada pelo profissional responsável, pois mesmo que o funcionário seja contratado em boas condições de saúde (física e mental), poderá sofrer com fatores estressores ao longo do tempo, o que pode comprometer suas atividades e saúde”, adverte o médico e diretor da OnCare Saúde.
Essa análise é realizada por um profissional bem treinado que tem uma compreensão dos padrões regulatórios e conhecimento de psicologia do trabalho e avaliação psicológica. As avaliações são inseridas em circunstâncias específicas e variam de acordo com as atividades específicas da empresa e as funções desempenhadas pelos funcionários. A avaliação é composta por testes psicológicos e questionários de avaliação psicossocial e que têm o objetivo de investigar a personalidade, fatores individuais e organizacionais que podem afetar à saúde do colaborador.
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »