07/06/2021 às 18h13min - Atualizada em 07/06/2021 às 18h25min

Discutir o futuro do trabalho é fundamental para entender as mudanças nas próximas décadas

É o que propõe a série 'O Amanhã do Futuro do Trabalho', realizada em parceria entre MIT Sloan Review Brasil, Talenses Group, Grupo Stefanini e Fundação Dom Cabral

SALA DA NOTÍCIA Carolina Amaral
Que tal fazer uma viagem para o futuro para entender a mudança do trabalho nas décadas de 2020, 2030 e 2040? O que foi bom e por quê? O que poderia ser melhor? Onde nós fizemos boas escolhas e no que erramos? Em que medida cada um de nós contribuiu para o novo mundo? Essas e outras incertezas serão debatidas no próximo dia 8 de junho, às 18h, em mais um encontro da série 'O Amanhã do Futuro do Trabalho', realizada em parceria entre MIT Sloan Review Brasil, Talenses Group, Grupo Stefanini e Fundação Dom Cabral. 
Dois dos futuristas mais respeitados do Brasil, Rosa Alegria e Jacques Barcia, com a mediação da conceituada jornalista Adriana Salles, irão debater em que serão materializados os futuros possíveis, prováveis e desejáveis para o trabalho. Essa é a melhor maneira de construir o futuro já amanhã. 
É fato que a sociedade está imersa na Nova Economia, que continua sendo associada a startups, tecnologias e a empresas estabelecidas com capacidade de se transformar digitalmente. No entanto, essa Nova Economia vai muito além disso. Diz respeito a outras estratégias de mercado, novas estruturas organizacionais, tantas outras culturas corporativas, novas cadeias de valor, novos propósitos e, sem dúvida, é uma força de trabalho reinventada. É urgente propor mudanças para ter sucesso hoje e no futuro. 
A websérie integra o hub de conteúdo já iniciado sobre o Futuro do Trabalho, que conta com quatro episódios e um Summit. O tema se mostrou muito mais amplo e ainda incipiente em relação a discussões mais profundas e constantes. Por isso, e somado aos constantes desafios do mundo atual, o projeto foi ampliado e conta com a construção deste site: https://www.amanhadofuturodotrabalho.com.br/. 
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »